segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Estréia hoje documentário originado na UFPR "Teatro Político: uma história de Utopia" na Cinemateca

A arte a serviço da transformação social: "Teatro Político: uma história de Utopia", documentário originado a partir de mestrado da UFPR, estréia nesta segunda-feira 13 na Cinemateca

Estreia hoje, às 19 horas, na Cinemateca de Curitiba, o documentário "Teatro político: uma história de utopia", dirigido por Túlio Viaro, com pesquisa e roteiro de Ana Carolina Caldas e fotografia de Gilson Camargo.

O documentário se originou a partir da dissertação de mestrado da roteirista Ana Carolina na UFPR, e conta a história do teatro político dos anos 60 em Curitiba. No filme, de cerca de 30 minutos, cobre-se o período que vai de 1959 a 1964, quando a ditadura militar é instaurada.

(Texto: Assessoria de Imprensa da UFPR, e-boletim)

O documentário é a respeito da história de um movimento político e artístico realizado na Curitiba dos anos 60, por artistas, estudantes, intelectuais e jornalistas que acreditavam no teatro como instrumento revolucionário.

Conta com depoimentos de ex integrantes como Euclides Coelho de Souza (Dadá do Teatro de Bonecos), Zelia Passos, Alcidino Bittencourt, Marly Genari e relatos de jornalistas que escreviam sobre cultura na década de 60, como Mazza, Edésio Passos e René Dotti. O documentário conta ainda com a partcipação especial de Ferreira Gullar e de Artur Poerner, escritor do livro “O Poder Jovem” e jornalista do JB. As peças teatrais encenadas na época são reencenadas para o documentário pelas atrizes Chris Macedo, Maureen Miranda e Chiris Gomes com a direção de Octávio Camargo, cenário e figurino de Marcelo Scalzo.

Antes da exibição haverá um debate sobre o teatro político com a partcipação da pesquisadora do documentário Ana Carolina Caldas, do fundador do movimento de teatro político Euclides Coelho de Souza (Dadá) e do músico e diretor Octávio Camargo.

FICHA TÉCNICA: Direção e edição de Tulio Viaro, pesquisa e roteiro de Ana Carolina Caldas e fotografia de Gilson Camargo.


Texto: Marcos Cordiolli - Agência Nacional de Cinema - Assessoria da Diretoria

Nenhum comentário: