terça-feira, 1 de setembro de 2009

Museu de Arte da UFPR é um dos espaços ocupados pela 5ª Bienal VentoSul

Foto: Douglas Fróis/PROEC
Obra Punto de Fusion 2 (2009), de Irene Dubrovsky

Com o título Água Grande: Os Mapas Alterados, a 5ª Bienal Latino-Americana de Artes Visuais – VentoSul está movimentando o cenário das artes visuais em Curitiba.

O evento reúne artistas de 30 países dos cinco continentes. Além das exposições, são realizadas intervenções urbanas, programações educacionais, mostra de vídeos, ações performáticas, encontros com críticos de arte, palestras e mesas-redondas de artistas.

As obras estão expostas em diversos locais da cidade, como o Museu de Arte da Universidade Federal do Paraná (MusA), Museu de Arte Contemporânea do Paraná, Memorial de Curitiba, Centro de Criatividade, Solar do Barão e Museu Alfredo Andersen.

A curadoria geral está sob a responsabilidade dos críticos Leonor Amarante e Tício Escobar, atual Ministro da Cultura do governo paraguaio.

Após a realização em Curitiba, até dia 11 de outubro, a Bienal segue para outros estados brasileiros e países da América Latina. Toda a programação é gratuita.

Serviço:

Exposição “Água Grande: Os Mapas Alterados - 5ª Bienal VentoSul”
Período: até 11 de outubro de 2009,
de segunda a sexta, das 09h00 às 18h00 e sábados, das 09h00 às 13h00.
Local: Museu de Arte da UFPR – MusA
Prédio Histórico da UFPR – Praça Santos Andrade
Entrada pela Rua XV de Novembro, 695 no 1º andar
Informações: 3310-2603

ENTRADA GRATUITA

Nenhum comentário: